© 2019 por Thaís Marques

  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube
Buscar
  • Thaís Marques

COMO EU ERA ANTES DE VOCÊ

Ei! Como estão vocês? Na tranquilidade das férias, na correria do dia dia? Eu diria que ultimamente estou dividida entre a tranquilidade de fazer tudo o que amo e as obrigações que alguns dias me trazem.

No último final de semana fiz algumas fotos para um projeto maravilhoso de um amigo de Pompéia/SP e que contarei mais por aqui daqui alguns dias, espero que gostem do resultado. Ontem fui ao cinema com alguns amigos assistir um dos filmes que estava aguardando ansiosamente: COMO EU ERA ANTES DE VOCÊ.

Não é nenhuma novidade a minha preferência pelas comédias românticas, são sempre minhas escolhas na Netflix e no cinema não poderia ser diferente, evito o terror e busco essas histórias mais 'amorzinho'.

Além do gênero, o que me chamou muita atenção foram os atores: Sam Clafin e Emília Clarke (mais conhecida como nossa maravilhosa Khaleesi de GOT). Fiquei apaixonada pelo Sam após assistir Simplesmente Acontece, e ver o encontro desses dois atores era algo que eu realmente não poderia perder.

Quanto ao filme, amei! Sei que em alguns trailers ele parece um super drama, mas posso afirmar que dei MUITA risada em grande parte do tempo. Talvez por ter me identificado com a atrapalhada Lou, que vai trabalhar como cuidadora de Will, um jovem rico e bem sucedido que sofreu um acidente onde ficou tetraplégico.

Lou é de uma origem simples e precisa trabalhar para ajudar os pais em casa, mas em todo o filme se mostra um exemplo de pessoa brincalhona, tagarela, um pouco atrapalhada, mas com um coração enorme.

Will não consegue superar os acontecimentos e se torna frio, de poucas palavras e evita relações, no começo é apenas um bom dia ou boa tarde e assim os dias vão se passando.

Ela insistente, tenta mudar a vida dele e o faz começar a sair de casa, se divertir e se aventurar mesmo que em uma cadeira de rodas. É fato que após algum tempo os dois ficariam envolvidos, e o resto dessa história recomendo para que todos vão assistir.

Como não quero soltar ~spoilers~ digo apenas que dei muita risada com a Lou e o sarcasmo de Will, a trilha sonora é maravilhosa e me emocionei demais. Acho que todos os filmes deveriam ser assim, com um pouquinho de cada coisa, o que os tornam especiais.

Se você ainda não viu o trailer, dá uma olhadinha e se rolar um interesse corra para o cinema mais próximo, recomendo! :*

0 visualização